• Partilhar:
Como criar uma marca de sucesso: 7 pontos essenciais para ser eficaz

A gestão de uma marca ou “brand management” é um processo meticuloso e que exige à pessoa que a faz, um trabalho árduo para conseguir os melhores resultados.

Quando falamos de marca referimo-nos a um produto ou serviço que facilmente conseguimos identificar e diferenciar aquilo que nos oferece. No entanto, uma marca é complexa já que é composta por um símbolo, um posicionamento, uma identidade, uma história e características próprias tangíveis e não tangíveis.

O gestor de uma marca tem de compreender que o ADN da marca é aquilo que a define, ou seja, esta é única e tem um diferencial na sua génese.

No curso de Gestão de Marcas e Publicidade este é um dos temas que fazem parte da formação e hoje explicamos melhor em que consiste.

Gestao Marcas: Curso Online

Como fazer uma gestão de marcas eficaz

 

Quando pretendemos realizar a gestão de uma marca, a forma mais correta será pensar na mesma como se fosse uma pessoa. Assim devemos perceber as necessidades do público-alvo, incutir sentimentos, pensamentos e uma personalidade. No fundo, é criar relacionamento.

Compreendemos que gerir uma marca é entendê-la, quais as suas ideias e o seu produto ou serviço. Quanto mais informação tivermos mais facilmente será possível posicionar a marca na cabeça do consumidor e este é o grande objetivo de um gestor. Desta forma, conseguimos que o consumidor se lembre da nossa marca quando necessita de ver preenchida uma necessidade, ou seja, quando pretende satisfazer essa mesma necessidade. 

 

Se este profissional pensar sempre na marca de forma humana será mais simples de incutir um pensamento e um comportamento. Tendo em conta as necessidades do consumidor criamos uma ligação mais próxima e torna-se mais fácil conseguir um diferencial competitivo. Uma imagem coesa de uma marca potencia o seu sucesso. 

 

Com este pensamento estratégico será então mais simples de conseguirmos  aumentar o reconhecimento e notoriedade da marca, gerar empatia e diferenciação face à concorrência.

Como gerir uma marca: as questões essenciais

 

A gestão de uma marca passa por diferentes fases, tanto para empresas pequenas como para empresa de maior dimensão, estas fases fazem parte do planeamento estratégico. Vejamos quais são:

1. Reunir com a equipa e realizar um “brainstorming”, fazendo questões pertinentes sobre a marca

O que os meus consumidores pensam da minha marca? Qual o benefício do meu produto?  Será que compreendem a minha marca? A qualidade oferecida é igual a qualidade percecionada?

2. Divulgar a história da marca

 Nem todas as pessoas sabem quem é a sua marca. Assim, é importante que se partilhe a razão pela qual a marca existe. Desta forma, estamos a transformar a marca mais humana, mais transparente, confiável e mais próxima dos seus públicos. Partilhar a história, o que somos, o que gostamos, o que representamos, o que defendemos e o que é realmente importante para a minha marca. 

3. A promessa da minha marca

Este ponto será o mais importante e pode ser também onde surgem mais dúvidas ao gestor. Será que aquilo que a minha marca promete consegue cumprir? Qual o valor associado à minha marca? Aqui teremos valores intangíveis e tangíveis, por norma os valores intangíveis são os mais importantes. Lembre-se que a promessa vive das expetativas que o público tem da sua marca.

4. Compromisso

Uma marca forte necessita de criar confiança no mercado onde atua, assim nunca devemos mentir e criar falsas expetativas sobre a mesma.

5. Experiência do consumidor

Perceba todos os contactos que o consumidor vai ter com a marca e trabalhe-os para que seja uma experiência única e agradável. A experiência não termina no momento de aquisição ela perdura no tempo, por isso é importante ser original e muito criativo na forma como o faz.

6. A marca deve ser humilde

As marcas sem o seu público não prosperam, por isso deve sempre agradecer e responder ao seu consumidor e assumir os erros quando os comete.

7. Definir e compreender o público alvo

Devemos criar uma segmentação do público-alvo, mas também criar “buyer personas”, ou seja, um perfil que representa o comportamento e as preferências do seu cliente-alvo, para criar ações que estejam em linha com a nossa estratégia e cumpram os objetivos propostos.

 

A gestão de marcas é um mundo complexo que exige a este profissional conhecer a sua marca profundamente, antes de criar qualquer tipo de ação no mercado. Devemos apostar numa coerência da marca em todos os canais onde comunicamos e, claro, compreender melhor o nosso público.

O marketing e publicidade são fascinantes para si e gostava de vir a trabalhar nesta área? Já tema alguns conhecimentos, mas procura aumentar as suas competências para crescer na empresa ou conseguir mais hipóteses de emprego? Conheça o novo curso de Gestão de Marcas da Master D e invista no seu futuro profissional.

 

 

Artigo escrito em parceria com Diana Martins, e-Tutora dos cursos na área da Comunicação e Relações Públicas da Master D.

Artigos relacionados

Comentários

10 de Outubro de 2021Emé catarina Malú
Estou interessada pra candidatar
Responder
12 de Outubro de 2021Master D — PT

Olá, Emé



Agradecemos o seu contacto e o interesse demonstrado no Curso de Gestão de Marcas e Publicidade da Master D. Já lhe enviámos um email para mais informações e, se for do seu interesse, pode ainda saber mais aqui: https://bit.ly/3tU4Hxk 

Ficaremos a aguardar notícias suas!

Atenciosamente,

Master D


Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recentes:

Categorias:

Conteúdos em Destaque:

Siga-nos:

Últimas notícias

Sobre a Master.D