Mais de 80 cursos para conseguir os seus objetivos. Informe-se!

Pesquisar

Encontrados resultados para ''

Agri Innovation Summit - um evento pioneiro está a chegar a Portugal

Nos dias 11 e 12 de Outubro irá realizar-se em Oeiras o Agri Innovation Summit. Neste evento irão debater-se temas como a digitização aplicada à agricultura, a gestão agrícola e a valorização do território. O evento é pioneiro e tem o apoio da União Europeia. Foram as instalações do Instituto der Investigação Agrária e Veterinária (INIAV) as escolhidas para acolher este evento. Neste conjunto de conferências irão participar os comissários europeus Carlos Moedas e Phil Hogan. Estes são os comissários responsáveis pela investigação, ciência e investigação e da agricultura e desenvolvimento rural, respectivamente. Homem fala para auditório numa conferência O Agri Innovation Summit terá lugar no INIAV, em Oeiras Para além dos comissários Europeus, também irão ser partilhadas as ideias e produtos inovadores para a agricultura de start-ups criadas nos últimos cinco anos.  

Os temas do Agri Innovation Summit

Tal como o nome indica, o tema central deste evento é a inovação. O Agri Innovation Summit pretende que se partilhem as experiências entre os estados membros europeus. O futuro da inovação na agricultura é o pano de fundo de todo o evento. Dentro do tema inovação, tem-se desenvolvido o conceito da digitização. Isto é, plataformas digitais devem surgir para substituir estruturas físicas que se encontram já ultrapassadas. Prevê-se que este será o “modelo de futuro para a agricultura”. O uso de novas tecnologias e a contratação de trabalhadores qualificados é cada vez mais importante no sector agrícola O uso de novas tecnologias e a contratação de trabalhadores qualificados é cada vez mais importante no sector agrícola. Luís Capoulas Santos, ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural afirmou que “a inovação, o conhecimento, a investigação e a experimentação são fundamentais para o acréscimo da competitividade da agricultura”. Declarou também a necessidade de haver uma “agricultura competitiva, mas sustentável”, Também serão abordados temas como a gestão agrícola, a valorização do território, o uso de recursos naturais e os sistemas alimentares e florestais. O ministro salientou ainda que a agricultura se está a tornar cada vez mais interessante e “ligada às novas tecnologias”, assim como uma área que “exige cada vez mais formação qualificada”.

Fonte: AgroNegócios.eu

Esta notícia ainda não tem comentários

Deixe uma resposta

Partilhar esta página: