Networking: O que é?

Publicado em 2019-12-13

networking-master-d

Networking, uma ferramenta para o profissional da comunicação

“Agrupamento de indivíduos, organizações ou agências organizadas em bases não hierárquicas  em torno de questões ou preocupações, as quais atuam  proctivamente e sistematicamente baseadas no compromisso e confiança.”

WHO . Issues in health development Geneva: WHO/HPR/HEP, 1998

 

“Uma rede é um conjunto de nós conectados, e cada nó, um ponto onde a curva se intercepta. Por definição, uma rede não tem centro, e ainda que alguns nós possam ser mais importantes que outros, todos dependem dos demais na medida em que estão na rede.“

Castells, 2000

Podemos perceber pelas definições acima que esta palavra deriva de NET, que significa rede. Ou seja, rede de relacionamentos. Mas, por forma a conseguir fazer um networking eficaz deverá ser uma pessoa com laços fortes, tanto de amizade como profissionais. E é importante que  essas conexões sejam verdadeiras, relevantes e duradouras.

Lembre-se que deve ser uma pessoa interessante: seja positivo, colabore, demonstre interesse e saiba ouvir. As outras pessoas devem sentir a “necessidade” de estar e de conviver consigo. Uma pessoa enfadonha, sem relevância a nível profissional,  será mais difícil de conseguir interagir com outros.

 

Sente que é uma pessoa mais tímida? Tudo se trabalha. O importante é ter vontade e colocar mãos à obra e criar elos consistentes!

Estas conexões vão ajudá-lo, e muito, quando falamos de  procura de emprego. O mercado de trabalho está cada vez mais exigente e competitivo, assim o empresário especialista em empregabilidade, José Augusto Minarelli reparou que existem 6 pilares fundamentais que ajudam na carreira profissional:

  • Adequação vocacional;
  • Competência profissional;
  • Idoneidade;
  • Saúde física e mental;
  • Reserva financeira;
  • Networking ( rede de relacionamentos);

Nesta rede de relacionamentos existem os seguintes 3 níveis:

1.Grupo primário: pessoas mais próximas – temos um forte envolvimento emocional e uma predisposição maior para ajudar e compartilhar objetivos em comum.

2.Grupo secundário: aqui são todas as relações formais e menos íntimas.

3.Grupo de referência: são todas aquelas pessoas que influenciam a nossa opinião e o comportamento, mesmo não participando ou tendo contacto com o grupo. por exemplo: Alguém com estilo de surfista mesmo sem fazer surf.

Potenciar o networking vai permitir-nos, através da nossa rede de contatos, uma ajuda recíproca com a qual conseguimos desenvolver projetos através dos nossos relacionamentos. Quer estes sejam primários, secundários ou de referência.

Vejamos alguns exemplos…

Os eventos onde se gera o networking a nível presencial podem ser:

  • Jantares
  • Tertúlias
  • Feiras nacionais e internacionais
  • Exposições
  • Conferências e seminários
  • Formações, entre outros

Tipos de eventos onde se gera o networking a nível não presencial:

  • Redes sociais
  • Skype/MSN
  • Email
  • Blogues
  • Sites pessoais

Dica da Tutora:

Lembre-se disto: Cultive os seus contactos e mantenha uma proximidade com os mesmos. Não seja agressivo nem rude na hora de fazer a sua abordagem. Utilize o networking para poder crescer enquanto profissional de sucesso e aproveite para começar a usar a rede LinkedIn, caso ainda não tenha criado o seu perfil.

No Curso de Eventos, Relações Públicas e Marketing da Master D a importância do networking, e como fazê-lo eficazmente, é uma das temáticas abordadas. Saber relacionar-se dentro de uma empresa é fundamental para o sucesso de um profissional independentemente do lugar ocupado.

Para quem ambiciona ir mais além e ter uma carreira na área da comunicação esta é a formação certa para si. O seu próximo emprego poderá ser num gabinete de Relações Públicas, numa Agência de Comunicação ou até criar a sua própria empresa de Eventos. Já pensou nisso?  No final da formação poderá candidatar-se a um estágio e colocar em prática tudo o que aprendeu.

Comece o próximo ano com um novo ânimo e novas resoluções para o futuro!

Veja ou reveja o vídeo da Masterclass – Imagem e sucesso com Isabel Amaral

Artigo escrito em colaboração com Diana Martins, Especialista em Comunicação e e-Tutora da formação em Eventos, Relações Públicas e Marketing na Master D 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *