Uma profissão requisitada: Auxiliar de Geriatria

Publicado em 2015-05-25

Se gosta de cuidar de pessoas idosas e tem interesse em utilizar essa aptidão no dia-a-dia e na sua profissão, saiba que pode fazê-lo. A procura de profissionais para o trabalho com a terceira idade acontece de forma regular e um pouco por todo o país.

Auxiliar de geriatria em tarefas de apoio

Um país mais envelhecido

Entre os censos de 2001 e 2011, no intervalo de datas referido, a população com menos de 15 anos recuou dos 16% para os 14,9% enquanto a população de idosos cresceu de 16,4% para 19%. Uma maior esperança de vida para as populações mais velhas e um recuo nos nascimentos vem alterando o equilíbrio das várias faixas etárias no país. Em 2013, o índice de envelhecimento foi de 136 idosos por cada 100 jovens. (Dados do INE – https://www.ine.pt/ ).

Dar apoio a uma população idosa, em constante crescimento, é uma necessidade que tanto famílias como o Estado sentem e que não pode ficar sem resposta.

Nem sempre ficar em casa é uma possibilidade ou uma opção disponível. É necessário encontrar a solução para o acompanhamento pretendido. As infra-estruturas já existem. São espaços que permitem ao idoso passar o dia, ou parte dele, realizando diversas actividades ou apenas conviver com os restantes utentes.

No caso dos lares ou residências, os idosos, podem optar por aí viver. Para além destes locais e espaços disponíveis, o mais exigente para que tudo funcione e para melhor servir esta população é assegurar recursos humanos qualificados e bem preparados.

Uma formação adequada

Cuidar dos idosos requer uma preparação e formação específica. Não basta ter a noção das limitações que a falta de saúde trazem ao dia-a-dia do idoso. É necessário também perceber como essas limitações têm um impacto nas diversas actividades que o idoso tem de realizar.

Ao obter uma formação adequada para poder prestar apoio como auxiliar de geriatria o formando irá compreender não só como prestar um serviço eficiente como também compreender melhor os desafios e problemas que representam as actividades básicas da vida diária dos idosos.

Tanto nas grandes cidades como nos centros mais pequenos ou rurais há uma necessidade crescente de encontrar profissionais preparados para desempenhar esta função.

1 comentário a “Uma profissão requisitada: Auxiliar de Geriatria

  1. liliana moreira

    ´tirar o curso de auxiliar de giátria foi sempre o que eu desejei trabalhei 4 anos num lar de idosos aki no lavradio foi uma experiencia formidável esses 4 anos e meio,cuidar de idosos é dar e receber amor construir um ambiente familiar,lidar com um ser humano,apoiar é fazer oke deus fazia aos aflitos sofridos foi a melhor experiencia que vivi,mas infelizmente a segurança social fechou o lar que trabalhava fiquei desempregada esses 3 messes e ando mesmo disposta a tirar esse curso é o meu sonho mesmo…

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *